Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Romancear a História: Verdade ou Ficção?

por Cristina Torrão, em 06.06.13

A resposta a esta pergunta parece óbvia: um romance é ficção; um livro científico conta a verdade. Mas será esta distinção assim tão simples?

 

O Professor José Mattoso inicia a biografia de D. Afonso Henriques (Temas e Debates, 2007) com a seguinte frase: «Não é preciso ser historiador profissional para perceber que não se pode traçar a biografia de uma personagem medieval sem uma grande dose de imaginação».

 

 

Esta foi uma das questões discutidas na animada tertúlia, que teve lugar no lindo espaço da Poética, a livraria da Virgínia do Carmo, a 1 de Junho, em Macedo de Cavaleiros. Entre os participantes, encontrava-se um estudioso da História do Nordeste Transmontano, autor do blogue Cousas de Macedo de Cavaleiros, que, junto com duas professoras de História, muito contribuiu para animar outro tema de discussão: a fiabilidade das crónicas medievais. Por um lado, elas não nos dão um retrato da sociedade daquele tempo, mas, apenas, de uma minoria, entenda-se: da Nobreza e do Clero. Por outro, cingem-se ao modelo ideal, indicado pela Igreja, ou seja, não nos dizem como as coisas eram, mas como deviam ser. E, salvo raras exceções, excluem as mulheres.

 

No que respeita à ficção propriamente dita, é essencial ter consciência dela. Mas todos concordaram em que os romances históricos podem levar os leitores a interessarem-se por determinado período histórico (ou personalidade), sendo levados a consultar as obras dos nossos prestigiados historiadores. Principalmente as professoras opinaram que um romance histórico apelativo e bem pesquisado é um dos melhores meios para motivar os jovens para o estudo da História.

 

 

Mais uma vez, os meus agradecimentos à Virgínia do Carmo e a todos os participantes. A tertúlia foi um bom momento nesta minha estadia em Portugal, ensombrada pela doença grave de uma familiar muito próxima.

Autoria e outros dados (tags, etc)


3 comentários

Sem imagem de perfil

De opuma a 06.06.2013 às 19:39

Um abraço à Virginia
Sem imagem de perfil

De Cristina Torrão a 07.06.2013 às 17:57

Será dado. Vou enviar-lhe o link.
Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 06.06.2013 às 21:58

Pena ter sido tão longe aqui do Litoral. Muito bem.

Comentar post