Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




O despertar de Costa

por manuel gouveia, em 18.03.11

António Costa considera que o discurso do ministro das Finanças da passada sexta-feira “ficará certamente para a história como a mais desastrada e desastrosa comunicação política que alguma vez foi feita em Portugal, senão mesmo no hemisfério Norte”.

 

Este despertar de Costa para os disparates do governo, pareceu-me demasiado forçado para ter sido um descuido. Costa pretendeu oferecer a Sócrates margem para recuar forçando Passos Coelho a dar o dito por não dito e viabilizar o essencial do PEC IV.

 

A exuberância de Costa foi verdadeiramente desastrosa, aqui ou em qualquer dos dois emisférios, e forçou Sócrates a colar-se a Teixeira dos Santos, o que não estava previsto.

 

Entretanto o pássaro ainda não recolheu as asas...

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Daniel João Santos a 18.03.2011 às 19:23

Estas declarações de António Costa são da mesma inocência das de Carrilho.
Imagem de perfil

De manuel gouveia a 18.03.2011 às 23:09

Sim, embora mais desastrosas... em ambos os hemisférios.

Comentar post